Em todos os momentos da História, seja na Antiguidade, na Idade Média, ou no nosso tempo, são as mesmas paixões e os mesmos desígnios que inspiram os humanos. Entender a História é entender melhor a natureza humana.

28 novembro 2010

Exóticos

Esta caixa encontrava-se na minha revista de programação televisiva, anunciando a transmissão em directo de uma fase dos treinos para o Grande Prémio de Motociclismo, que teve lugar no Autódromo do Estoril, em fins de Outubro passado. É uma caixa pequenina, surgida no lado inferior esquerdo da página, mas não resisto a traduzir o texto:



"Nas três classes ccm há tantos pilotos originários da Península Ibérica como areia na praia. Tudo espanhóis. Não há o mínimo vestígio de portugueses. Estranho, até porque também se encontram por aqui exóticos, como o tailandês Ratthapark Wilairot, ou Mashel El Naimi do Catar."

2 comentários:

antonio - o implume disse...

Somos mais anacrónicos do que exóticos...

Kássia Kiss disse...

Essa do anacronismo dá que pensar...