Em todos os momentos da História, seja na Antiguidade, na Idade Média, ou no nosso tempo, são as mesmas paixões e os mesmos desígnios que inspiram os humanos. Entender a História é entender melhor a natureza humana.

13 outubro 2011

"O Livro", aquele que para mim é único

Assim se chama uma das rubricas do ...viajar pela leitura... A sua autora, a Paula, teve a gentileza de me convidar a dissertar sobre o tema. Não foi fácil, nunca é fácil, escolher um único livro. Decidi escrever sobre o livro que me mostrou onde podia eu descarregar toda esta imaginação que me tem acompanhado durante quase toda a vida. Por incrível que pareça, durante muito tempo, eu não sabia o que fazer com ela.

Quem estiver interessado, aqui.

2 comentários:

antonio ganhão disse...

Fiel aos teus temas de eleição embora pela vertente do fantástico.

Cristina Torrão disse...

Bem, não se trata de fantástico, penso que poderás ter sido induzido em erro pelo título "Here Be Dragons". A capa do livro também aponta para o fantástico, mas é um romance histórico. Os ingleses da época medieval costumavam usar essa expressão, "Here Be Dragons", nos mapas, para assinalar o desconhecido. Como o romance é sobre o País de Gales, zona sobre a qual os ingleses, na altura, pouco sabiam, Sharon Penman optou por esse título simbólico.

Por acaso, não sou grande apreciadora do fantástico, embora reconheça a qualidade indiscutível de certos autores.