Em todos os momentos da História, seja na Antiguidade, na Idade Média, ou no nosso tempo, são as mesmas paixões e os mesmos desígnios que inspiram os humanos. Entender a História é entender melhor a natureza humana.

25 novembro 2012

Como enviar o meu original para uma editora



Há editores que avaliam obras pela leitura da primeira linha e há outros que só o fazem analisando a obra inteira de um autor minuciosamente. Os métodos diferem e nenhum deles garante o sucesso, da mesma forma como, em princípio, nenhum dita o seu fracasso.

Hugo Xavier dá, no Edição Exclusiva, conselhos a candidatos a autor, baseando-se na sua própria experiência.

- Por muito que seja boa educação, evitem as cartas manuscritas de apresentação. Nós editores temos geralmente a vista cansada de ler.
- Não enviem textos impressos com corpo de letra 10 ou menor, sem linhas de separação e com uma mancha de texto visualmente agressiva.
- Não enviem textos impressos com tipos de letra originais e divertidos, Times New Roman, Garamond, Windsor, letras clássicas e de fácil leitura. Sobretudo nunca enviem textos impressos em Comic Sans.

Para quem se interessa pelo tema, aconselha-se a leitura do artigo completo.

4 comentários:

Bartolomeu disse...

Boas dicas, Cristina.
Agora, só me falta aprender a escrever e depois, "engendrar" uma estória.
Quando for um escritor famoso, dou-te um autografo, fica prometido.
;)))

Cristina Torrão disse...

E eu serei a tua primeira fã ;)

Clara Fernandes disse...

A minha irmã tentou publicar um livro para crianças há uns anos e não conseguiu. Acabou por desistir. Depois publicou-o numa print-on-demand, a Blurb. Através dela fiquei com a impressão que é difícil publicar, mas quando entro nas livrarias( ou hipers) até parece que não!

Cristina Torrão disse...

É dificílimo publicar, quando não se têm contactos. Eu própria, depois de uma fase de sorte, encontro-me a navegar no vazio. Por outro lado, publica-se muito, talvez demais. Mas 99% dos livros são, ou de autores com os tais contactos, ou eles mesmos conhecidos (locutores de televisão, famosos), ou traduções.