Em todos os momentos da História, seja na Antiguidade, na Idade Média, ou no nosso tempo, são as mesmas paixões e os mesmos desígnios que inspiram os humanos. Entender a História é entender melhor a natureza humana.

20 maio 2016

Morte de João XXI

João XXI.jpg
Imagem Wikipedia

A 20 de Maio de 1277, morreu o único papa português, João XXI, de acidente, em Viterbo.

Dom Dinis, de dezasseis anos, ainda não era rei, seu pai Dom Afonso III só morreria quase dois anos mais tarde, a 16 de Fevereiro de 1279. Mas o rei Lavrador terá conhecido João XXI, antigo deão da Sé de Lisboa.

Transcrevo uma pequena cena do meu romance, relativa à morte do papa português:

- O senhor vosso pai pede-vos que volvam a Lisboa! Acabou de receber a notícia do passamento de Sua Santidade o papa João XXI.
- Mestre Pedro Julião finou-se? - surpreendeu-se Dinis.
O antigo deão da Sé de Lisboa, conhecido no estrangeiro como Pedro Hispano, estudara Artes em Paris e Medicina em Montpellier. Escrevera várias obras sobre Teologia e outros campos do saber e passara temporadas na cúria papal, tornando-se físico do papa Gregório X, a quem sucedera. Ainda não era velho, nem se lhe conhecia enfermidade:
- Mas como pode tal haver sucedido?
- Foi um acidente, em Viterbo - respondeu o mensageiro. - O Santo Padre inspecionava umas obras de uma nova ala que mandara edificar no palácio dos papas, quando uma parte do edifício desabou.


Cover neu3 Dom Dinis 100.jpg

O meu romance sobre Dom Dinis pode ser adquirido na forma de ebook na LeYa Online, na Wook e na Kobo.

Sem comentários: