Em todos os momentos da História, seja na Antiguidade, na Idade Média, ou no nosso tempo, são as mesmas paixões e os mesmos desígnios que inspiram os humanos. Entender a História é entender melhor a natureza humana.

24 setembro 2016

Tu és a única Pessoa (5)

Da recensão da escritora Ana Cristina Silva, publicada no Portugal Post Nº 266 - Agosto 2016:

«Partindo de uma estrutura epistolar, a personagem principal, Helena Tavares, escreve de um hospital psiquiátrico a uma amiga imaginária depois do suicídio da filha. Mergulhada na dor, Helena reflecte sobre as suas culpas enquanto mãe e remexe na sua própria infância, relembrando a violência por ela sofrida no seio da sua própria família».








Nas livrarias!


Sem comentários: