Em todos os momentos da História, seja na Antiguidade, na Idade Média, ou no nosso tempo, são as mesmas paixões e os mesmos desígnios que inspiram os humanos. Entender a História é entender melhor a natureza humana.

09 julho 2012

Descontentes

A major survey of professional authors has revealed serious levels of dissatisfaction with traditional publishers. One third of authors report that they were not consulted about marketing plans. Asked about marketing campaigns, 38.7% of authors chose the answer, ‘What marketing campaign? I never noticed one.’ Almost one-half of authors (45.8%) say that their publisher has never asked them for feedback. When asked, ‘With your next book, if some other publisher offered you the same advance as your current one, would you move to the new house or stay where you are?’, just 37.3% of authors chose, ‘I’d stay.’ That implies about two-thirds of authors would prefer to move to a new publisher – or think hard about doing so.

Via Blogtailors

P.S. Ainda assim, estes aqui falam em pagamentos adiantados...


2 comentários:

Imperatriz Sissi disse...

Posso dizer que "super subscrevo"? Se não fosse por alguns amigos escritores que até estão a ter alguma sorte - leia-se, a conseguir viver dos livros - punha completamente de parte a ideia de voltar a publicar tão cedo. Torra-se dinheiro na publicação, fazem-se os lançamentos (cansativos,na minha opinião) mas... plano de marketing, orçamento para publicidade, etc, não existe. Pura e simplesmente não se pensa em tal. E depois ficam aborrecidos com o autor e passam ao seguinte que, com o mesmo modus operandi, também não vai vender. Quanto aos adiantamentos, só posso concordar também. Felizmente começam a surgir algumas editoras com uma perspectiva um pouco diferente...esperemos que a moda pegue.

Cristina Torrão disse...

Sissi, um dia hei de contar as minhas "aventuras completas" no mundo da publicação, que fazem este excerto parecer um pouco inofensivo e em que a falta de pagamento de que já falei (http://andancasmedievais.blogspot.de/2012/04/quebrar-o-silencio.html) constitui apenas uma parte.

Um dia... se eu constatar que terá alguma importância ;)